Notícias

por Interlegis — última modificação 06/11/2018 11h35
Banco de notícias desta Casa Legislativa.

Audiência Publica debate suspeita de plágio no hino de Campo Maior

por Anne Silva publicado 25/08/2017 20h12, última modificação 25/08/2017 20h12

 Câmara de Campo Maior realiza nessa quinta-feira (24/08) uma Audiência Pública para discutir a suspeita de plágio na composição do hino do município. Músicos e historiadores locais levantam a hipótese que o hino de Campo Maior seja uma cópia da música “Cidade Morena”, composta em homenagem a cidade de Campo Grande-MS.

A audiência que acontece às 19h no plenário do legislativo reúne ex-gestores que aprovaram e sancionaram o hino, representantes de academias de letras, músicos, historiadores e intelectuais. O atual hino de Campo Maior tem letra da professora Maria Alves da Silva Pontes e música de Valmira Napoleão.

O vereador Neto dos Corredores pediu a realização do encontro ao afirmar que a discussão entorno da legalidade do hino tem ganhado grandes proporções. “Essa discussão tem se alastrado em vários setores da mídia de nossa cidade como também entre as pessoas e entendedores de nossa história. Nossa casa legislativa não pode se opor a essa discussão”, explicou.

O presidente da casa, vereador Fernando Miranda, destaca a importância de debater uma temática de interesse da comunidade. “Temos que debater isso. Não podemos viver o resto dos anos com essa dúvida: se o hino é ou não um plágio. Vamos fazer um debate abrangente e tirar um encaminhamento e decidiremos o que fazer diante das hipóteses apresentadas”.

O grupo de intelectuais que levantou o questionamento da legalidade do hino pretende pedir ao legislativo municipal que cancele o hino atual e realize de um concurso para a escolha de uma nova letra e melodia. Além de Campo Maior, as cidade de Uruçui-PI e Petrolina-GO possuem trecho idênticos da música “Cidade Morena”. DSC_0325.JPGDSC_0329.JPG

Audiência Pública para discutir a suspeita de plágio na composição do hino do município.

por Anne Silva publicado 23/08/2017 10h55, última modificação 06/09/2017 19h30
 Audiência Pública para discutir a suspeita de plágio na composição do hino do município.

Grupo se reúne com vereadores para sugerir audiência públic

A Câmara de Campo Maior realiza nessa quinta-feira (24/08) uma Audiência Pública para discutir a suspeita de plágio na composição do hino do município. Músicos e historiadores locais levantam a hipótese que o hino de Campo Maior seja uma cópia da música “Cidade Morena”, composta em homenagem a cidade de Campo Grande-MS.

A audiência que acontece às 19h no plenário do legislativo reúne ex-gestores que aprovaram e sancionaram o hino, representantes de academias de letras, músicos, historiadores e intelectuais. O atual hino de Campo Maior tem letra da professora Maria Alves da Silva Pontes e música de Valmira Napoleão.

O vereador Neto dos Corredores pediu a realização do encontro ao afirmar que a discussão entorno da legalidade do hino tem ganhado grandes proporções. “Essa discussão tem se alastrado em vários setores da mídia de nossa cidade como também entre as pessoas e entendedores de nossa história. Nossa casa legislativa não pode se opor a essa discussão”, explicou.

O presidente da casa, vereador Fernando Miranda, destaca a importância de debater uma temática de interesse da comunidade. “Temos que debater isso. Não podemos viver o resto dos anos com essa dúvida: se o hino é ou não um plágio. Vamos fazer um debate abrangente e tirar um encaminhamento e decidiremos o que fazer diante das hipóteses apresentadas”.

O grupo de intelectuais que levantou o questionamento da legalidade do hino pretende pedir ao legislativo municipal que cancele o hino atual e realize de um concurso para a escolha de uma nova letra e melodia. Além de Campo Maior, as cidade de Uruçui-PI e Petrolina-GO possuem trecho idênticos da música “Cidade Morena”.


Fonte: Ascom Câmara de Campo Maior 

 

Câmara de Campo Maior inaugura sistema de transmissão ao vivo

por Anne Silva publicado 15/08/2017 00h33, última modificação 15/08/2017 00h33

 

As sessões na Câmara Municipal de Campo Maior agora podem ser acompanhadas ao vivo. O poder legislativo inaugurou o sistema online de transmissão com objetivo de mostrar o trabalho dos vereadores e aproximar os parlamentares da população. O sistema conta com uma web rádio, web tv, portal do legislativo e redes sociais.

A sociedade pode acompanhar ao vivo pela web tv e web rádio as sessões ordinárias ( às terças-feiras , a partir das 19h30min) e as reuniões da Comissão de Constituição e Justiça e Comissão de Finanças e Orçamento (às quartas-feiras a partir  das 8:00). No portal campomaior.pi.leg.br podem ser acompanhadas notícias e fotos.

“Esse sistema de transmissão é o mais moderno que temos no mercado. São duas câmeras de 360º e equipamentos de ultima geração. As pessoas podem ver as sessões através do facebook Câmara de Campo Maior e do portal. Ao final da sessão, o vídeo fica salvo e você pode assistir em outro dia. A rádio Câmara de Campo Maior está disponível no portal e no aplicativo rádios.net”, explica o técnico de transmissões Helder Felipe.

No portal da Câmara podem ser encontrada ainda a prestação de contas do legislativo, agenda de eventos e as leis municipais. Segundo o presidente da Câmara, vereador Fernando Miranda, esse sistema de comunicação é o primeiro do Piauí e faz parte da proposta de tornar o trabalho dos vereadores transparentes.

“É a primeira Câmara Municipal do Piauí a contar com essa forma de transmissão ao vivo. E buscamos inaugurar esse sistema para mostrar para a população o trabalho do vereador. O povo precisa saber o que esta casa está discutindo. É uma forma de chamar nossa sociedade para os debates; possibilitar que o povo dê sua opinião, dê sugestões”, diz o presidente.  

 

Fonte: Ascom Câmara de Campo Maior

Vereadora Gabriela Pinho Requere Calçamento Para ruas no Bairro Fripisa.

por Anne Silva publicado 09/08/2017 20h25, última modificação 06/09/2017 19h32

Após o pedido emitido pela vereadora Gabriela Pinho (PROS) na câmara municipal de Campo Maior durante a sessão ordinária do dia 23 de Maio, a prefeitura municipal de Campo Maior, por meio do prefeito, José de Ribamar Carvalho, autorizou o requerimento que pavimentará as ruas F, G e H do bairro Fripisa. Segundo o mesmo, cerca de 250 mil serão gastos na pavimentação asfáltica das ruas.

Segundo a requerente, Vereadora Gabriela Pinho, a necessidade de asfaltamento daquelas ruas é de extrema importância, visto que irá contemplar ruas de um bairro ainda em desenvolvimento e com necessidades infra estruturais grandes.

 A ordem de serviço foi assinada na presença do prefeito José de Ribamar Carvalho, sua vice, Liége Cavalcante, o secretário do município Marcelo Miranda, do vereador Manin Pereira, e do deputado Aluísio Martins que, igualmente à vereadora, se solidarizaram com a situação das famílias que residem no local.

20621916_1898882567031413_2523585454468091940_n.jpg18664643_213938802457411_4711123527081055506_n.jpg20663886_1898882547031415_4657916532164300042_n.jpg


A Câmara de Campo Maior recebeu na manhã desta quarta (24) dois veículos

por Interlegis — última modificação 06/09/2017 20h31

A Câmara de Campo Maior recebeu na manhã desta quarta (24) dois veículos motorizados para agilizar os trabalhos do legislativo municipal. O carro, uma Hilux zero quilômetro, deve facilitar a chegada dos parlamentares a comunidades distantes, e a moto zerada, contribuirá para as demandas administrativas.


Comprado com recursos próprios da Câmara, os dois veículos foram recebidos com entusiasmo pelos vereadores. Presidente da casa, Fernando Miranda comemorou a aquisição ao enaltecer as contribuições que os vereadores e a sociedade campomaiorense terão a partir de agora.  


“O carro e a moto eram necessidades que tínhamos na Câmara. Com eles, vamos contribuir ainda mais com nosso povo. Os serviços administrativos e parlamentares se tornaram mais ágeis. Vamos buscar soluções aos problemas do município com mais rapidez. Em cinco meses de gestão, conseguimos fazer economias para comprar esse dois veículos”, disse. 


Na cerimônia de entrega nesta manhã - onde estiveram presentes vereadores, o prefeito Professor Ribinha e o presidente da Fundação de Esportes do Piauí, Paulo Martins - o vereador Daniel Soares enumerou os benefícios essa conquista trará para a atuação dos parlamentares junto a sociedade. 


“O carro e a moto aproximará muito mais o vereador da comunidade. Foi uma grande aquisição, fica o deslocamento mais fácil para as comunidades, atender os chamados dos povoados, ver os problemas mais de perto. O carro tem uma acessibilidade muito boa e nos levará por estradas ruins. Cabemos nós vereadores fazer bom uso. Logo, logo a sociedade vai ver os benefícios desses veículos”, comentou

Câmara de Campo Maior faz aquisição de equipamentos

por Interlegis — última modificação 06/09/2017 20h33

O Presidente da Câmara de Vereadores de Campo Maior, Fernando Miranda (PT) recebeu nesta sexta-feira (28) quatro notebooks e uma impressora multifuncional. Os equipamentos foram comprados pela casa legislativa através de um processo licitatório.

 

“Essa é a primeira etapa da informatização da Câmara de Vereadores de Campo Maior. Os computadores e a impressora serão utilizados pelo corpo técnico da casa”, informou o Presidente.equipamentos.jpg

 

Ainda este ano a Câmara deverá receber mais máquinas e equipamentos que facilitarão os trabalhos dos servidores do poder legislativo campomaiorense.

Câmara de Campo Maior formará comissão para modernizar regimento interno

por Interlegis — última modificação 06/09/2017 19h34

A Câmara Municipal de Campo Maior está cada vez mais perto da sociedade, moderna, transparente e participativa. No primeiro semestre à frente do poder legislativo, o vereador Fernando Miranda tornou tudo isso em realidade. Já é possível perceber o trabalho surtindo efeitos positivos. A casa respira um ar de renovação. Fernando Miranda.jpg


O vereador Edvaldo Lima, líder da bancada de situação, é o parlamentar com mais tempo de mandato. Ele avalia a atual legislatura como a melhor dos últimos 30 anos. “Fico muito feliz em ver uma Câmara Municipal unida pelo bem do povo de Campo Maior. Tenho dificuldade em lembrar de uma legislatura que tenha se empenhado tanto pra melhorar a vida do povo”, diz.O líder da bancada de oposição, vereador Hamilton Segundo, destaca que a valorização do trabalho dos parlamentares e a transparência do legislativo são pontos altos do primeiro semestre de trabalho. “A Câmara de Campo Maior tem 255 anos de existência. Nesse período a Câmara teve um papel fundamental no município”, reconhece. “O trabalho que nosso presidente tem realizado é um caminho que não devemos mais abortar. Nós temos que seguir nesse caminho de valorizar os vereadores e a casa do povo.”. O presidente Fernando Miranda explica que o trabalho à frente da mesa diretora é feito com imparcialidade e tem objetivo de facilitar o trabalho dos vereadores e, consequentemente, beneficiar a população “Nós temos uma missão nessa casa: trabalhar pelo povo. Para isso precisamos dar condições aos vereadores, ter um prédio físico agradável para receber nossa população, transporte para facilitar às visitas as comunidades, dar visibilidade ao que está sendo feito por eles”, resume. 

Segundo semestre 
Para o segundo semestre deste ano, a Câmara programa a formação de uma comissão especial para modernização do regimento interno do legislativo e lei orgânica do município, lançamento de livro com a história dos 255 anos da Câmara Municipal, novo portal da transparência e transmissões ao vivo das sessões pela Web Tv Câmara e pela Web Rádio Câmara. 

 

Fonte: Ascom Câmara 

Ações do documento